Prosimetron

Prosimetron

quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Novidades - 205

O lado negro da história do mais imponente palácio francês, grande símbolo do Antigo Regime, contado por Alain Baraton, actual Jardineiro-Chefe do Domínio de Versalhes. Do custo humano da construção do palácio, aos muitos envenenamentos ( até de familiares do poderoso Rei-Sol ), infidelidades, duelos e traficâncias várias ( sobretudo da virtude, feminina e masculina ).

- Vice et Versailles, Alain Baraton, Grasset, Outubro de 2011, 320p, €15.

3 comentários:

JP disse...

Hmmm. Não será um pseudónimo, Luís Baraton? ;)

LUIS BARATA disse...

Nós é mais Baratte de Canteloup :)

Parece ser um livro interessante, mas, modéstia à parte, duvido que acrescente algo ao que já conheço da história de Versalhes. Não é impunemente que se é grande leitor do Duque Memorialista, o meu adorado ( mas não isento de várias parcialidades ) Louis de Rouvroy de quem tenho desde edições do séc.XIX até modernas reedições.

MR disse...

:-)))