Prosimetron

Prosimetron

sábado, 7 de agosto de 2010

Quizas, Quizas, Quizas

E assim se passa um fim de semana


"Quem não tem filhos, choram-lhe os netos" diz o povo e tem razão... uns tomam conta deles... outros tomam contam dos avós.

Passeio no rio


Frederick Carl Frieseke - Senhora com chapéu de sol ou O barco verde, 1908

Teria sido uma hipótese, se...

L'Escalier


Acerca destas e de outras escadas...

Metropolitano de Lisboa - 1

Já há muito tempo que andava a pensar em fazer uns postes sobre o péssimo funcionamento do Metro. Mas este foi despoletado por dois posts que apareceram no Arpose.
Secção aberta a queira colaborar.


Estas escadas da estação de Metro de Telheiras /saída Colégio Alemão) estão avariadas há meses... Aliás, nunca estiveram a funcionar, desde o início, mais de três dias seguidos. Agora estão paradas há meses.

... com este aviso que até já está a ficar desbotado.

Há dias apareceu afixado nas carruagens do Metro este cartaz, com a «Carta do cliente do Metropolitano de Lisboa».
Ora leiam este trecho retirado dele:

«Disponibilidade dos equipamentos
«Assegurar que os equipamentos existentes nas estações - designadamente elevadores, escadas e tapetes rolantes, equipamentos de venda e canais de acesso - se encontram em perfeitas condições de funcionamento, promovendo, quando tal não aconteça, a respectiva reparação no menor espaço de tempo possível.»
Só pode ser gozo!...

Danúbio, a importância de ser rio!

Budapeste é referida como a pequena "Paris da Europa Central" e a nomenclatura assenta-lhe muitíssimo bem. xO rio Danúbio é o ponto vital de Budapeste, espraia-se a perder de vista, não separa antes liga as duas margens.

Buda, na margem direita do Danúbio, com os seus palácios e igrejas vigia os barcos.

Castelo de Buda (Palácio Real), Budapeste, Húngria.
No Palácio Real encontram-se a Galeria Nacional Húngara que se vê na fotografia e o Museu de História de Budapeste.

Igreja de Mátyás, Buda, Budapeste, Húngria

Peste, na margem esquerda do Danúbio, plana, é a manifestação do poder com o Parlamento e a Basílica de Santo Estevão a rasgar a paisagem.

Ponte das Correntes, Ponte Széchenyi Lánchíd, Budapeste, Húngria


Parlamento, Peste, Budapeste, Húngria



Basílica de Santo Estevão, Peste, Budapeste, Húngria

sexta-feira, 6 de agosto de 2010

Citações - 106


(...) Pode parecer ridículo mas adorava voltar a fazer cocó em Benfica. A banheira com patas de leão, o esquentador pré-histórico, os perfumes da minha mãe numa mesa, o cheiro da laca dela, a brilhantina do meu pai, o pente sempre gorduroso, a escova com que alisava o cabelo apertando-o nas têmporas. Era o único de nós que fazia a barba. Acho que também não visitou as Bermudas nem Marrocos nem Porto Rico. Saía para o hospital de manhã, voltava ao fim do dia e tudo cheirava a cachimbo. Achava esquisito que tratasse o meu avô por pai, pai era ele, o meu avô era avô. Esse fazia a barba também. O mundo inteiro fazia a barba menos eu. Sinto a falta da rapariga lá em baixo, à chuva, preocupo-me com o que lhe terá acontecido. Nem quero pensar que a água das valetas a levou, de mistura com as folhas caídas.


É o último parágrafo de mais uma bela crónica do António Lobo Antunes- Rapariga à chuva, na Visão desta semana.

E Leonard volta

Um dos meus gostos intensos, partilhado por vários prosimetronistas e leitores, que parece ter gostado tanto da Velha Lusitânia que volta já em Setembro. Dia 10, no Pavilhão Atlântico, Lisboa.

Cannes e o seu festival


Já disponível nas livrarias portuguesas, Dans les coulisses de Cannes reúne mais de 200 fotografias, captadas por fotógrafos do Paris Match ao longo das 64 edições do festival de Cannes. Uma bela retrospectiva fotográfica das Editions Glénat com prefácio de Brigitte Bardot….
Imagem: Warren Beatty e Natalie Wood, Cannes 1962, apresentação do filme Splendor in the grass (Paris Match)

Isaura Morais

Entre nós, há um "cancro social" que não pára de crescer e é tripartido: violência no namoro, violência conjugal, violência familiar. Mas, felizmente, também as denúncias começam a aumentar, sendo ainda raras, porém, as de figuras públicas.
Mereceu-me atenção, pois, a queixa apresentada por Isaura Morais, presidente da Câmara de Rio Maior, pelas agressões sofridas às mãos do namorado. E não deve ter sido fácil, dadas as funções desempenhadas e o machismo ainda presente na política portuguesa...

Em português - 17

Mafalda Veiga , especialmente para o nosso MLV que sei ser fã e já regressou ao trabalho :(

Ilha-paraíso
















Em pleno mar Báltico, a cerca de 35 minutos de Estocolmo, há uma ilha paradisíaca que tem uma paisagem própria, entre rochas, praias e muito verde. Trata-se de Gotland, na costa sudeste da Suécia, que nos últimos anos tem atraído jovens desvairados por festas, que tomam banhos de champanhe em clubes nocturnos, e pessoas esgotadas que procuram o descanso na natureza selvagem. Visby, a única verdadeira cidade da ilha, é palco da euforia e dos hábitos urbanos de quem vive em Estocolmo, desde gente anónima a celebridades. Todos querem comprar casas aqui. Enquanto nomes sonantes dos media preferem o sul de Gotland, os políticos optam pela vizinha ilha de Faaroe onde Ingmar Bergman teve a sua casa-estúdio. E Gotland é suficiente grande para agradar a todos já que o seu tamanho é comparável com o de Long Island, nos EUA, mas tem uma população residente inferior a 60 mil habitantes, pelo que está bastante inexplorada. Algumas milhas para norte, na pequena cidade de Ljugarn, a praia é uma imagem de calma e natureza sem limites: uma longa faixa de areia fina bordada por uma franja de erva alta, e água fria e cristalina que envolve gentilmente a costa. Os amantes da natureza podem dormir em pequenos hotéis dispersos por lugares inverosímeis da ilha, levando a perguntar quem quer ficar ali. Mas existem clientes para esse misto de isolamento e luxo, sobretudo homens de negócios que querem afastar-se de tudo, desfrutar da natureza e relaxar. Quer seja em solidão total e gloriosa quer para dar largar ao divertimento nocturno na série de discotecas em Stora Torget e bares ao longo de Sodra Kyrkogatan, esta é a ilha de Gotland no seu melhor.
Texto parcialmente extraído do jornal i, edição de hoje.



Frutas - 24

Hoje é dia de Botero.


Natureza morta
Óleo sobre tela, 1962
Nova Iorque, O'Hara Gallery



Natureza morta
Desenho em papel colado em tela, 1993
Nova Iorque, Adler; Conkright Fine Art



Sandia
Óleo sobre tela, 1998
Miami, Gary Nader Fine Art



Laranjas
Óleo sobre tela, 2004
Los Angeles, Tasende Gallery



Laranjas
Óleo sobre tela, 2006
Madrid, Galería Fernando Pradilla

Os superatletas



Correm que nem loucos e são capazes de vencer ultramaratonistas. São os índios Tarahumara que vivem num inóspito canyon mexicano. Com uma existência praticamente oculta, tal qual desde 1600 quando se esconderam nos Canyons para escapar aos Conquistadores, os homens de 50 anos correm como adolescentes e os velhos de 90 percorrem distâncias de maratona. Esta tribo também é conhecida como "Rarámuri" - O Povo Corredor. Pacíficos, vivem numa sociedade onde não existe crime, nem assaltos, nem obesidade, diabetes ou depressões.

Hoje apeteceu-me...



http://farm2.static.flickr.com/1264/540441575_20818cf91a.jpg

... um palmier, mas não tive sorte nenhuma. Entrei numa pastelaria que os costuma ter bons, mas estavam muito fanados. Pode ser que amanhã, se ainda me apetecer, tenha mais sorte.

Tudo sobre Justin ...

Não tenho dedicado particular atenção ao Justin Bieber, embora lhe reconheça, obviamente, talento. O talento de quem já vendeu milhões de discos e é uma estrela aos 16 anos de idade. Mas fiquei perplexo com a notícia de que está a escrever uma autobiografia, incidindo esta sobre os anos de estrelato- dos 13 até agora... E parece que a Paramount já está a pensar num filme biográfico, em 3D que é o que está a dar...

Já que se falou nela ...


Não são só os portugueses ( eu incluído ) que gostam muito de melancia. Os japoneses também, mas são mais inventivos e foram criando novas formas : do coração à pirâmide. Mas estas excentricidades são muito mais caras que a "forma original" e pouco acessíveis ao comum dos mortais.

Citações - 105 : António Feio e o estado da TV


(...) É triste que seja preciso um actor morrer para que o serviço público ( e não só ) mostre teatro na televisão. É triste que não haja cinema de outras proveniências na televisão e, quando o há, pareça haver pouco rei ou roque naquilo que se mostra. É a televisão que temos, com um serviço ( pouco ) público
e privadas que têm todos os olhos nas audiências. E que se demitiram por quase completo do papel pedagógico e cultural que a televisão também deve ter-e no qual já há muito que elas perderam o interesse.


-
Jorge Mourinha
a propósito da morte de António Feio e das 4 peças de teatro nos 3 dias seguintes... Foi no Público de quarta-feira.

Coração? ou castelo?


http://4.bp.blogspot.com/_ZONbxhIk5q8/SqZjanc54pI/AAAAAAAAAG8/rxIXUUOfBCU/s400/melancia01.jpg

Como chamam ao "coração" da melancia? Coração ou castelo? Há dois prosimetronistas com opiniões diferentes. Queremos saber o que lhe chamam os outros.

quinta-feira, 5 de agosto de 2010

Mar azul

Contrastes

De acordo com os leitores da conceituada revista americana "Travel & Leisure", Banguecoque foi considerada a melhor e mais luxuosa cidade do Mundo, logo seguida por Chiang Mai, outra cidade tailandesa situada a norte. Neste Top 10 das "World Best Cities", o primeiro lugar conquistado pela capital da Tailândia deve-se ao luxo e exotismo que a "cidade dos anjos" ostenta através das inúmeras estátuas de budas e templos mas também porque Banguecoque é actualmente uma metrópole fascinante que revela duas fisionomias bem distintas: a cidade velha, com os seus palácios e templos do séc. XVIII, e a cidade moderna, com luxuosos centros comerciais, hotéis e zonas de lazer banhadas pelo rio Chao Phraya.
Em absoluto contraste encontra-se Juárez, na fronteira do México com os EUA. Segundo a edição de hoje do Público, Juárez é a cidade mais violenta do Mundo que deambula "entre a vida e a morte". Ali o quotidiano dos habitantes convive com "cabeças cortadas, cadáveres atirados para o deserto, gente raptada, violada, ou baleada"... Juárez é também "o bordel dos EUA e escrava do comércio livre, onde o narcotráfico entra a matar, porque se tornou fácil e o dinheiro é muito".

O meu jantar de ontem...


Fomos atrás de salmonetes (que são deliciosos nesta casa), mas não havia. Foram substituídos e comemos bem, como sempre.
Tivemos sorte porque vai entrar de férias de 7 a 31 de Agosto.
Rua Silva Carvalho 195
Lisboa

O meu final de tarde de ontem


Já aqui foi trazido pelo Luís (parece-me). Fui ver. Gostei bastante.

Bom dia!






No jardim do MNAA, sábado, 31 de Julho.

Onde está o João?

Dada a quantidade de viagens e países, o nosso João Soares bem podia ser o Wally do Prosimetron, embora com melhor critério estético, desde logo na indumentária. E tem estado à sombra da senhora que se vê supra, daí a necessidade de certa troca...
Boas Férias!

quarta-feira, 4 de agosto de 2010

À beira-mar


Leslie Prince Thompson (1880-1963) - On the Shore, Annisquam

VIVER NA BEIRA-MAR

Nunca o mar foi tão ávido
quanto a minha boca. Era eu
quem o bebia. Quando o mar
no horizonte desaparecia e a areia férvida
não tinha fim sob as passadas,
e o caos se harmonizava enfim
com a ordem, eu
havia convulsamente
e tão serena bebido o mar.

Fiama Hasse Pais Brandão
In: Obra breve. Lisboa: Assírio & Alvim, 2006, p. 510

A nossa vinheta



Mucha - Verão

Pouco imaginativa, mas foi do que me lembrei depois do Luís me telefonar a perguntar se podia ficar com as vinhetas de Agosto.

Para lavar e durar...

Mesmo depois de proferido o tão aguardado despacho de acusação e arquivamento, que acabou por apenas resultar na ida a julgamento dos 2 consultores ( Smith e Pedro ) pelas mãos dos quais passaram os milhões, continua a ser um caso que agita os meios políticos e judiciais e faz vender muito jornal. Especialmente quando temos um PGR que a propósito do caso diz que se sente a Rainha de Inglaterra...
É claro que ficaram muitas coisas por esclarecer, que se perdeu o rasto ao dinheiro vindo de Inglaterra, e pelos vistos, talvez inexplicavemente, ficaram pessoas por ouvir. Mas quando se trata de factos ocorridos há oito anos ( o controverso licenciamento ) tudo isto é de esperar...
Eu não vou lá há anos, embore goste bastante de Alcochete, terra onde se come muito bem.

1990 : Mariah Carey

Passa hoje precisamente uma década sobre a data em que Mariah Carey dominava os tops com esta Vision Of Love que lhe valeu um Grammy no ano seguinte.

Laura Decker


A menina holandesa que quer dar a volta ao mundo sozinha de barco. Depois de uma controvérsia que ocupou os tribunais holandeses durante o ano passado, Laura Decker, agora com 14 anos, pode finalmente realizar o seu sonho e ganhar um lugar no Livro dos Recordes, ultrapassando os 16 anos da actual recordista de circumnavegação...

Tem sido uma verdadeira "guerra" de rapazes e raparigas pelo título de navegador solitário mais jovem nos últimos anos, contra a opinião de navegadores mais maduros e autoridades, mas a verdade é que até agora tudo tem corrido bem a estes aventureiros náuticos.

A jovem Laura, experiente velejadora, filha (nascida a bordo...) de velejadores, parte de Lisboa em Setembro pelo que será então notícia entre nós...

No Tejo...


Domingo à tarde, frente à Central Tejo.
E porque se falou de barcos, a semana passada, aqui.

O que menos apetece...

No Verão, especialmente de férias, o que menos apetece é tratar das pilosidades faciais. Mas tem de ser, até para preservar o "bronze"...

Quem não respondeu sobre a ida a Sesimbra, talvez prefira a Praia da Rocha...


Eu não vou.

terça-feira, 3 de agosto de 2010

A olhar o mar...


Oswald Achenbach (1827-1905) - Luar na baía de Nápoles
Óleo sobre papel colado em tela, 1886
Alemanha, col. particular



Lina Sastri (1953-)

Na praia


François Gall (1912-1987) - La plage d'Arachon
Óleo sobre tela
Harrogate (Reino Unido), Walker Galleries



François Gall (1912-1987) - La plage de Trouville