Prosimetron

Prosimetron
Prosimetron: termo grego que designa a mistura de prosa e verso.

sábado, 7 de dezembro de 2013

Boa noite!


Mascagni era um grande admirador de Mussolini, para quem escreveu a ópera Nerone*. Morreu subitamente no Hotel Plaza, em Roma, em 2 de agosto de 1945, desiludido, possivelmente com a vitória dos Aliados.

* Soubesse eu então deste pormenor e não a teria comprado um dia em Roma para oferecer. 

Lira = Amor

Mais uma cantora sul-africana ao fim da tarde.

A falta que os revisores fazem ...


Onde me apetecia estar





Barnhill Farm, na pequena ilha escocesa de Jura, onde George Orwell chegou em 1945 procurando a solidão e a inspiração para terminar o seu último romance, o que aconteceria em 1948 ( 1984 ). Sabia-se já vítima da tuberculose que o mataria em 1950, aos 46 anos.
A casa está desabitada em permanência há muito, mas aluga-se à semana ou ao mês e é local de romagem de muitos admiradores do escritor.

Lá fora - 187






Uma grande retrospectiva que o Musée de Grenoble dedica ao pintor alemão Sigmar Polke ( 1941-2010 ), com dezenas de telas que mostram os variados temas e interesses de uma carreira de quatro décadas.
Até 2 de Fevereiro de 2014.

Citações



(...) para vexame do pensamento indígena, a história desta pobre República não esclareceu ainda qual é, de facto, a grande singularidade portuguesa : viver na miséria ou viver de esmolas.

- no Público de ontem.

Um quadro por dia


Jean-Léon Gérôme, Le 7 décembre 1815. Neuf heures du matin. L' Exécution du maréchal Ney, 1868, Sheffield Art Galleries.

Esta tela estava " guardada " à espera da data certa. Uma tela magnífica, apontada como precursora do Impressionismo, e em que nada está por acaso, até os graffittis semi apagados no muro.
Trata-se claro está da execução por alta traição do Marechal Michel Ney, traidor duas vezes : um dos bravos de Napoleão, que o fez Marechal do Império e que foi por ele traído quando Ney se alia em 1814 a Luís XVIII; a segunda traição decorre da jornada dos Cem dias quando Napoleão foge do seu exílio de Elba e Ney se lhe junta.
O Marechal Ney sobrevive a Waterloo, mas para ser julgado e executado como um qualquer burguês com fato escuro e chapéu...

Números


33

Um número que mostra como nem a melhoria das leis, das campanhas de prevenção, dos apoios sociais ainda é suficiente. É o número de mulheres assassinadas em Portugal, nos primeiros dez meses de 2013, vítimas de violência doméstica.

Bom dia !

Para começar bem o dia


Caixas / carteiras de fósforos - 7

Carteira de fósforos da campanha eleitoral de 1986.

Boa noite!

Mascagni nasceu há 150 anos, em Livorno.

sexta-feira, 6 de dezembro de 2013

Sing to the Moon

Zahara - uma sul africana

Um chocolate de que alguns se lembrarão


Para os mais pequenos

Porto: Porto Ed., 2013

Notas soltas sobre o Advento


 
A pequena localidade de Andechs, situada a 40 quilómetros de Munique, convida, a partir de hoje, conterrâneos e turistas à visita do mercado natalício que, por tradição, decorre apenas durante o fim de semana do segundo domingo do Advento (ao contrário dos restantes mercados de Natal alemães que se estendem desde finais de Novembro até à Consoada). Entre os pontos altos deste acontecimento figura o presépio ao vivo, ou seja, habitantes da aldeia representam os personagens do Menino Jesus, Nossa Senhora, São José e pastores, todos em guarda-roupa tipicamente bávaro, conforme nos mostra a segunda imagem.  
O célebre convento de Andechs, construído numa colina chamada “Heiliger Berg” (monte santo) junto ao lago Ammersee, constitui o local de peregrinação mais antigo da Baviera. Monges, pertencentes à Ordem de São Bento, habitam este convento desde 1455.  

quinta-feira, 5 de dezembro de 2013

Nous ne sommes pas encore libres

Em Homenagem  a Nelson Mandela (1918-2013)

« Nous ne sommes pas encore libres, nous avons seulement atteint la liberté d'être libres. »

 

Nelson Mandela,  in Le Figaro


Boa noite!

A arte do retrato


Claude et Paloma, 1950, 116x89cm, um retrato de dois dos seus filhos por Pablo Picasso e que foi disputado por 8 compradores ao telefone no passado dia 4 de Novembro na Christie's de Nova Iorque, foi parar a um coleccionador asiático que desembolsou o equivalente a 20,8 milhões de euros.

Biografias e afins

Um ensaio biográfico sobre a relação cheia de admiração, mas também de inveja, de dois génios. É da Grasset.

Marcadores de livros - 131


Humor pela manhã


Podemos achar que é algo simplista esta ilustração da diferença de géneros, mas...

Bom dia !



Um dos muitos temas incluídos numa antologia magnífica de Michel Legrand, são 15 cd em que o 13º é inteiramente dedicado a Alain Delon, protagonista de vários filmes com bandas sonoras de Legrand. Um belo presente de Natal !

Outono é outra primavera...

Outono com sol.          Figueira da Foz


"Outono é outra primavera, cada folha uma flor".

Albert Camus, daqui.

quarta-feira, 4 de dezembro de 2013

Boa noite!

Onde me apetecia estar



Em Birmingham, Inglaterra, para conhecer aquela que é desde há 3 meses a maior biblioteca pública da Europa, com os seus 10 pisos e 31 mil metros quadrados. Salas de leitura claro, mas também auditórios, wifi gratuito e até jardins suspensos.
Visita virtual aqui : www.libraryofbirmingham.com

Números

103 

milhões de euros, é o valor do seguro feito recentemente pelo Real Madrid às pernas de Cristiano Ronaldo. É caso para dizer : que ricas pernas! E o jogador de origem madeirense passou a ter desde ontem um museu que lhe é inteiramente dedicado na sua ilha natal. Será que se vai tornar o museu madeirense mais visitado? :)

Um quadro por dia


Endellion Lycett Green ( 1969- ), Hemelsleutel, óleo e folha de ouro sobre linho, 2013.

De um contemporâneo britânico que descobri recentemente.

O menino no sapatinho


Bom dia !



Eliza Doolittle, nome artístico da britânica Eliza Sophie Caird.

Mais um marcador de livros


Ora aqui está um marcador que a nossa M.R. ainda não tem ( digo eu ! ), e é um que não deixa dúvidas sobre onde parou a leitura. Ideal para mesas de cabeceira, e pode ser encomendado aqui : www.holycool.net/book-hook-bookmark

Marcadores de livros - 130

Cranach - Santa Bárbara
Antuérpia, Museu Mayer van den Bergh

Com um agradecimento a HMJ e APS.

terça-feira, 3 de dezembro de 2013

Boa noite!

Lá fora - 186



Mais uma expo muito interessante em Paris.

1925, quand l'Art Déco séduit le monde, até 17 de Fevereiro de 2014, na Cité de l'architecture et du patrimoine, palais de Chaillot, Paris.

A arte do retrato


Diego en chemise écossaise, 81x65cm, pintado em 1954 por Alberto Giacometti e adquirido logo pelo grande marchand e coleccionador Aimé Maeght, ficando nas mãos dos descendentes deste até aos anos 90.
Vendido no passado dia 5 de Novembro, na Christie' s de Nova Iorque, por 24 milhões de euros.

Citações



(...) O burburinho à volta de Soares e o jantar a Eanes são a prova disso. Como disse Eanes numa bela frase, são um presente sem futuro. Depois do entusiasmo, de um e de outro lado não ficará mais do que a melancolia de tempos mais simples.
De resto, os próprios partidos da República começam-se lentamente a desagregar. O dr. Cavaco pede " consenso ". Mas de quem com quem? Do PSD que se julga " liberal " ou do PSD que se proclama " social-democrata " com o PS oficial de Seguro ou com as facções de Sócrates, de Costa ou do confuso e desarticulado populismo de Soares? Pior ainda, o PC ( e a CGTP ) e também o Bloco não entram nestas contas? Vai o regime entregar o descontentamento, que não falta e com certeza irá aumentar, à programática irresponsabilidade da extrema-esquerda? A estranha aparição dos presidentes é o sinal de um desespero romântico, que prefere fugir à grosseira realidade da " crise " e pensar na altura idílica em que o dinheiro escorria e Portugal, segundo a propaganda do Estado, estava na " cabeça da Europa ". Com dinheiro emprestado e a sua provinciana inconsciência.

- No PÚBLICO de sexta-feira.

Humor pela manhã


 Uma almofada muito sábia :)

As minhas livrarias

Aos sábados, na minha meninice e juventude, acompanhei, muitas vezes, o meu pai às livrarias e alfarrabistas. Hoje vou só falar de livrarias.
Uma das primeiras livrarias de que me lembro é a Buchholz, ainda na Av. da Liberdade (já viram como estou velha?). Era eu muito miúda e havia lá uns livros muito giros, invulgares para a época. Um deles era um livro cartonado, em armónio, sem palavras, que depois de aberto formava um comboio. Um espetáculo! E, eu, antes de o trazer para casa, abri-o no chão da livraria, entre a mesa e a estante. É uma das recordações mais antigas que tenho.
Agora sabe-se (na altura, suspeitava-se) que o Sr. Buchholz era um traficante de arte "degenerada" alemã. Lisboa servia-lhe de entreposto para a América.
Fui algumas vezes à Livraria Buchholz da Rua Duque de Palmela, mas eu odiava aquelas "velhas" que nos seguiam para todo o lado: a livraria tinha montes de livros frente às estantes e em cima de umas mesas e não se conseguia ver nada, sem mexer. Além de que eu vejo com as mãos.

Interior da Buchholz, na Av. da Liberdade

Aos sábados, pelos meus sete ou oito anos, tinha direito a um livro da coleção Formiguinha, comprado na Papelaria Mimo (no tempo em que as papelarias também vendiam alguns livros), na Av. da Igreja. 

Outra livraria-papelaria que eu frequentava no tempo do liceu – a Havaneza, da Av. da Igreja, onde hoje se encontra a Padaria Portuguesa. E também a Sinfonia, na Av. de Roma, que ainda existe. Estas duas eram também discotecas. Nestas duas lojas comprei alguns livros e discos.
Depois de ver o filme, fui, à Havaneza, comprar os quatro volumes do livro para ler. E tenho-os lido até hoje.


A seguir, e paralelamente, talvez as Livrarias Portugal e Sá da Costa. Acho que já aqui falei de ambas, aquando dos respetivos encerramentos.
Mas a Sá da Costa – que tinha a sua tertúlia - e a Barata primitiva, em que éramos atendidos pelo Sr. Barata e pelo Jorge, foram mesmo as livrarias que mais frequentei.
Já me esquecia da Livrelco - Cooperativa Editora de Universitários, na Rua Carlos José Barreiros. Foi encerrada pela PIDE, talvez em 1970. O seu gerente era o Nuno Oliveira, que depois abriu a Livraria Galileu, em Cascais.
Este foi comprado na Portugal.


Dois livros adquiridos na Sá da Costa.

Livro comprado na Barata.

Tenho saudades das livrarias em que os livreiros sabiam o que vendiam, o que saía (mesmo lá fora) e mostravam os livros de acordo com os interesses (que eles conheciam) dos seus clientes.




Hoje vou muito à FNAC do Chiado e à Barata da Av. de Roma. E perco-me na Amazon.

Em geminação com o Palavras Daqui e Dali, que assinalou o Dia da Livraria e dos Livreiro. 
E também para a Cláudia Ribeiro, da Livraria Lumière.

segunda-feira, 2 de dezembro de 2013

Antes que acabe o dia...

Antes que o dia termine vou juntar-me ao João na homenagem a Maria Callas. Aproveito também por agradecer a MR ter-me dado a conhecer o livro donde tirei o seguinte trecho:

"(...) depois de ter visto os filmes Sabrina e Roman Holidays, escolheu como modelo a encantadora Audrey Hepburn. «Quero ser parecida com ela», disse para si própria, determinada."

In Segredos culinários de Maria Callas, Histórias, Receitas e sabores. Organização Bruno Tosi, Prefácio de José Bento dos Santos. Lisboa: Assírio e Alvim, 2008, p.17.


Boa noite!

Notas soltas sobre o Advento


No belíssimo post dedicado à Anunciação de Crivelli, a Ana já referiu o advento do Advento. Ontem, celebrou-se o primeiro domingo do Advento que, na Igreja Católica, marca o início de um novo ano litúrgico.
Durante as próximas quatro semanas, seguirão algumas notas soltas sobre esta época, muito vivida na Europa Central. Para começar, e como vinheta para esta semana, proponho a tradicional coroa do advento cujas origens protestantes alemãs remontam a 1839.
A primeira vela já se encontra acesa (em geminação com Arpose)!

Recordando a Diva

Maria Callas faria hoje 90 anos. Recordo com emoção esta voz. Numa ária de "Sansão e Dalila" de Saint-Säens, Mon coeur s'ouvre a ta voix.


Marcadores de livros - 129

Este marcador foi comprado num quiosque junto ao Jardim do Luxemburgo.

domingo, 1 de dezembro de 2013

Boa noite!

Anunciação

Em especial para o Filipe.
Hoje começou o Advento.  Recuando um pouco no tempo aqui fica uma Anunciação, momento importante para, agora, se realizar a festa do Advento.

Carlo Crivelli, Anunciação com Santo Emídio, 1486, daqui
Carlo Crivelli's The Annunciation, with Saint Emidius


«The town of Ascoli was under papal rule and in 1482 Pope Sixtus IV granted it a degree of self-government. This altarpiece was painted for the church of SS. Annunziata in Ascoli to celebrate the event. The coats of arms are those of the Pope (left) and the local bishop, Prospero Cafferelli (right). News of Ascoli's new status reached the town on the feast of the Annunciation on 25 March, which then became a special feast day when the town celebrated its liberty.
It is rare to include a saint with the Archangel Gabriel in a depiction of the Annunciation. Saint Emidius, the patron saint of Ascoli, is shown carrying a model of the town. Ascoli is dominated by towers and is still recognisable today in the model which Emidius carries.» (link)
(Alterado às 22:43 horas).