Prosimetron

Prosimetron
Prosimetron: termo grego que designa a mistura de prosa e verso.

sábado, 30 de julho de 2011

Parabéns, c.a. - parte II



POBRE BRÜCKNER

Monumental, informe, derivante,
repetitivo e não sabia música,
discípulo de Wagner... - pois sim.
Mas todo o estrondo à volta de singelos
temas ingénuos mal desenvolvidos
(se à maneira de um outro, é claro) pela orquestra
que vai massiça em pompa de incessantes ritmos
à conquista de ser-se esta paisagem
de som em panoramas de severa altura:
às botas lhe assobiem. Que ainda ecoa
de uma amplidão de humanidade dentro
como a que existe no silêncio de alma
ao ver-se quanto em espaço de vazio
o amor humano se conhece e perde
por um divino que em si mesmo está
sonhando-se de vidaa e sobrehumana paz.

19/11/1971
Jorge de Sena
In: Arte de música, 1968


Que tenha sido um bom dia!
Que tenha um bom ano!

Na Casa da Achada

Feira - fantoches 2
No domingo, dia 31 de Julho, às 15h30, voltamos a apresentar a peça de fantoches «A chama eterna na mercearia», que foi já representada na III Feira da Achada.
SEGUNDA 1 AGO 11
No dia seguinte, segunda-feira, às 18h30, começamos o mês de Agosto com o ciclo de leitura da 1ª parte de A Paleta e o Mundo. Desta vez é Sónia Gabriel que que lê e comenta, com projecção dos quadros referidos na obra, o capítulo «A beleza é difícil».
À noite, pelas 21h30, continua o ciclo de cinema ao ar livre, «Filmes das nossas vidas». Projectamos o filme Uma noite na ópera (1935, 96 min.) de Sam Wood. A escolha é de Regina Guimarães, que apresenta o filme.
__________________________
Associação Casa da Achada - Centro Mário Dionísio
Rua da Achada, nº 11 r/c - 1100-004 Lisboa (mapa)
telf: 21 8877090 | e-mail: casadaachada@centromariodionisio.org
página: http://www.centromariodionisio.org/
 

Citações - 178


Daqui a um ano estamos como os gregos.

- Boaventura de Sousa Santos, em entrevista à VISÃO.

Entrevista de Jacques Attali ao Paris Match

Paris Match, 21-27 Jul. 2011

Parabéns, c.a. - parte I

SOMA

Não discuto se sou feliz ou não.
Mas de uma coisa faço por lembrar-me sempre:
que nessa grande soma - a deles, que eu detesto -
de tantas e tantas parcelas, não sou
uma delas. Eu nunca fui contado
para a soma total. Esta alegria basta.

Konstantinos P. Kavafis
Trad. de Jorge de Sena, in 90 e mais quatro poemas. 3.ª ed. Lisboa: Asa, 2003, p. 24

Literatura da época vitoriana em leilão

Anthony Trollope (1815-1882) - Ralph the Heir. London: Strahan & Co, Jan. 1870-July 1871

A Bonhams, de Nova Iorque, anunciou o leilão, em 18 de Outubro próximo, da Colecção de Robert H. e Donna L. Jackson, uma das melhores de literatura vitoriana.

Lactário Aboim Ascenção

Edifício do primeiro lactário da Associação Protectora da Primeira Infância, fundado no Largo do Museu de Artilharia, em Lisboa, em 1901.
Busto do coronel Rodrigo António de Aboim Ascenção (1859-1930), fundador da Associação Protectora da Primeira Infância, instituidora de vários lactários em Lisboa. Devido ao legado que deixou foi fundado o Refúgio Aboim Ascenção, em Faro.
Busto de José Luís Morais.

Capa e pormenor da primeira página da 3.ª edição (1947) de um folheto, Primeiros conselhos às mães, editado pela Associação Protectora da Primeira Infância.

E quais são os «Primeiros conselhos às mães»?
1.º «A mãe deve criar o seu filho. O leite de mãe é o melhor alimento - alimento sem igual - para criar o seu filho.
«Criar ao peito uma criança é evitar muitas doenças que podem levar à morte.»
4.º «Até aos 6 meses o único alimento que se deve dar á criança é leite e só leite
5.º «A mãe deve fazer o possível para ter sempre o filho perto de si. Não o confiará a outra pessoa, excepto se a mãe for tuberculosa, muito menos a menores.»
6.º «Deve banhar a criança todas as manhãs em água quente [...] em alguidar ou tinha bem lavada, em casa ou no balneário do lactário. Nunca meter a criança na água sem verificar com o cotovelo que não esteja quente de mais.»
7.º «A criança será pesada todas as semanas, para se apreciar o seu desenvolvimento e a sua saúde. Qualquer balança serve, mesmo a de uma mercearia.»
8.º «Logo que a criança adoeça a mãe deve consultar o médico. Logo que apareça diarreia, mal terrível as mais das vezes causado por falta de asseio e de cuidados com a alimentação [...].»
9.º «A criança e a habitação têm que estar sempre muito asseadas bem como todos e tudo que tocar e sirva à criança.»
10.º «Dormir entre as mamadas e toda a noite sossegadamente, faz muito bem à criancinha e é sintoma de saúde.»
11.º «A criança deve sair todos os dias de preferência na parte da manhã, depois dos 30 dias, excepto quando estiver doente, quando faça mau tempo ou muito calor.»
Os conselhos 2.º e 3.º têm a ver com a amamentação e o 12.º são as conclusões.

Para a Margarida Elias, na sequência de um seu post nas Memórias e Imagens.

Na Biblioteca Nacional

Auto-retrato(s) - 126

Giorgio Vasari ( 1511-1574 ), Auto-retrato, 1566-68, Florença.

Passam hoje 500 anos sobre o nascimento, em Arezzo, de Giorgio Vasari, pintor e arquitecto italiano. Ao contrário de vários seus antigos mestres e contemporâneos, não é o que pintou que lhe garante a imortalidade, mas sim o que escreveu : a preciosíssima obra As Vidas dos Artistas, colecção de biografias que é a principal fonte do que sabemos sobre as primeiras gerações da grande pintura europeia. O primeiro historiador de Arte, como dizem os dicionários e enciclopédias, que foi também o fundador da Accademia del Disegno de Florença.

Humor pela manhã... - 30


Havia um gato tão vegetariano, tão vegetariano, que quando levou a namorada para trás de um arbusto comeu... o arbusto.

Lida ontem no Facebook. Muito mais inocente que as que costumam constar do reportório do nosso JAD...

sexta-feira, 29 de julho de 2011

"A Sabedoria é Filha da Experiência"- Leonardo da Vinci

As citações escolhidas podem ser aplicadas a todos os aspectos da vida humana.
A todos os Mestres.


Leonardo da Vinci, "O sol dá às plantas a vida e o espírito e a terra alimenta-as com a humidade".



Desenhos, p. 158



Conselhos Práticos
Sobre a ordem por que se aprende a desenhar: primeiro, desenhar a partir dos desenhos de mestres, feitos a partir de obras de arte e a partir da natureza, e não de memória. E, tendo adquirido essa prática, sujeita à critica do mestre, deve seguidamente exercitar-se no desenho de objectos em relevo de bom estilo.

Leonardo da Vinci, Os Apontamentos de Leonardo, Nova Iorque: Parragon Books Ltd, 2007, p.290(trad. Maria José Figueiredo pp.259-313; org. por H. Anna Sue)


A voz cristalina de Virginia Astley

Chalé da Condessa d'Edla



Concerto de inauguração do chalé, a começar.

Retratos com História, de Eduardo Gajeiro -7

Foi pela mão de Vasco Morgado que esteve no saudoso Monumental. Em 1965. Estive lá. Um delírio.

Bom dia !



A começar musicalmente com Joss Stone, aqui ao vivo no Brasil em 2010. Amanhã à noite, é no Terreiro do Paço no concerto de abertura do Festival dos Oceanos.

Citações - 177


Pessoas loucas como eu não vivem muito mas vivem como querem.

- Amy Winehouse

Lida na Visão, que lhe dedica como seria de esperar várias páginas onde se pode constatar que Winehouse não tinha ilusões sobre o que a esperava.

Um quadro por dia - 191

René Magritte, La clé des songes, 1930, óleo sobre tela, col.part ( Paris ).

Porque o desta noite, que me fez despertar às cinco e meia completamente atarantado e exausto, desafia os habituais esquemas interpretativos. Felizmente, e ao contrário do que tantas vezes me acontece, consegui voltar a adormecer depois de um zapping pelas televendas que as televisões passam de madrugada. Recomendo as televendas :)

Mercado | Restauração | Massagens | Tatuagens de Henna | Narguilé | Danças orientais | Música
29, 30 e 31 Jul., das 9h00 às 21h00

«Uvas, figo e melão, é sustento de nutrição»


Comi ontem, pela primeira vez este ano, uvas. Eram cardinal e muito boas. Pedi três desejos. :)

quinta-feira, 28 de julho de 2011

O Tejo ao fim da tarde

Tempos áureos


Mais de 70 fotografias integram a belíssima exposição Glamour of the Gods na National Portrait Gallery de Londres. Muitas delas acessíveis ao público pela primeira vez, pertencem ao vasto espólio da John Kobal Foundation da capital britânica. Clarence Sinclair Bull, Laszlo Willinger ou Ken Danvers são alguns dos fotógrafos que, com a sua arte, sublinharam a importância da fotografia na criação dos mitos dos anos áureos de Hollywood das décadas de 1920 a 1960. Qualquer visitante deslumbra-se com retratos que definiram para sempre a imagem e o estilo das grandes estrelas, desde Lillian Gish, Greta Garbo a Marlon Brando e Audrey Hepburn.



fotos: Rock Hudson, fotografia de Leo Fuchs, 1961; Grace Kelly, fotografia de Clarence Sinclair Bull, 1956

Hein Semke (1899-1995)

Não me lembrava destes dois painéis de azulejo de Hein Semke, na Reitoria da Universidade de Lisboa.

[...]
Não sou artista
Nem sou poeta:
Sou sonhador
E tudo o mais também.
(fragmento de um poema de Hein Semke, 1949)

Para saber mais sobre este artista: http://www.museudochiado-ipmuseus.pt/pt/node/224?page=3
e este livro de Teresa Balté:
3.ª ed. ampliada. Lisboa: Imp. Nac.-Casa da Moeda, 2009. (Col. Arte e artistas)

Poemas - 52



Este Queen Summer foi escrito e ilustrado em 1891 por Walter Crane ( 1845-1915 ), poeta e artista plástico inglês.

Em português - 122 : Gabriela Schaaf



Porque ouvi ontem, com outros prosimetronistas, Gabriela Schaaf numa rádio que passa música de outras décadas. Graças ao YouTube fiquei também a saber que ela vive actualmente na Suiça. E vejam lá se descobrem quem é que apresenta a Gabriela neste Festival da Canção de 1979.

Cinenovidades - 192 : Super 8



O filme do Verão: escrito e realizado pelo génio ( sou fã incondicional ) JJ Abrams, e produzido por Steven Spielberg. Estreia hoje.

Um quadro por dia - 190

Nicolas Poussin, A Adoração do Bezerro de Ouro, 1633-34, óleo sobre tela, National Gallery, Londres.

O quadro do dia pelos piores motivos: foi vandalizado com spray vermelho no fim de semana passado. Agora, com incómodos para todos e custos para os contribuintes britânicos, vai ser reforçada a segurança na National Gallery.
Longe de mim incitar ao vandalismo, mas com tanta "preciosidade" contemporânea porque é que os atrasados mentais que fazem isto preferem sempre os mestres do passado? É que, e não quero generalizar, há muitas obras actuais em que mais ou menos spray vermelho seria indiferente...

Hino à vida!

O sonho das férias ainda vem longe, mas o pensamento do Luís fez-me ter vontade que fossem já hoje.

Avançar até perder o pé e logo se verá levou-me até esta flor cujo nome desconheço. É uma trepadeira com uma cor viva, o pequeno ramo teimosamente saiu do seu tutor e avança até ao chão, onde não tem pé... O que todos fazemos afinal, viver!



Jardim Botânico, Coimbra

Exposição a não perder


Elegâncias- 66

No El Dorado, Centro Comercial das Amoreiras.

PENSAMENTO(S) - 183


Si je me déplace sans raison, c'est pour perdre pied.

- Blaise Cendrars ( 1887-1961 )

As férias em geral são o oposto das deslocações sem razão de que fala Cendrars,escritor e grande viajante, mas esta frase seduziu-me pela imagem de perder pé, esta sim associada a um grande hábito destes dias, o gozo do mar, dos rios e dos grandes lagos. E é uma tentação a que poucos escapam, ir avançando mar adentro vendo até onde temos pé. Como na vida.

Boa noite!


O Ballet Bolshoi dançando Russian Seasons.
Bailarinos: Svetlana Zakharova e Andrei Merkuriev (par laranja, e depois branco), Natalia Osipova e Denis Savin (par vermelho), Yekaterina Shipulina e Pavel Dmitrichenko (par verde), Yekaterina Krysanova e Igor Tsvirko (par violeta), Anna Rebetskaya e Vladislav Lantratov (par azul), Anna Nikulina e Vyacheslav Lopatin (par clarete).

quarta-feira, 27 de julho de 2011

Tosca - Taberna de São Paulo

Largo de São Paulo 
Ontem jantei com uma amiga neste restaurante. Muito simpático. A conselho da empregada comemos umas pataniscas de bacalhau («imperdíveis», segundo ela; não eram más, mas nada de excepcional); por nossa iniciativa, escolhemos uns cogumelos salteados - estes sim, muito bons -, um arroz de feijão e uma salada algarvia, também bastante bons. A salada algarvia é semelhante a uma salada árabe: tomate, pepino e cebola aos quadradinhos. Acompanhámos com um vinho verde Quinta do Azevedo.
Um restaurante a voltar.
http://www.tabernatosca.com/

Original e útil é o cartão da casa, este salva-pingos:

Uma leitura de férias

Em 1992, em Barcarrota, na Estremadura espanhola, não longe de Olivença e da fronteira com Portugal, um operário que fazia obras numa casa da Plaza de la Virgen, descobriu um pequeno compartimento falso e dentro dele, cuidadosamente embrulhados, livros e um amuleto de papel. Depois de várias pesquisas, concluíu-se que os livros faziam parte do primeiro índex da Inquisição e que teriam pertencido ao médico, judeu-converso, Francisco Penharanda, que entre 1510 e 1557 viveu naquela vila, tendo fugido precipitadamente para Olivença, onde terá continuado a exercer a sua profissão.
Sobre este espólio e a vida de Penharanda, Sérgio Luís de Carvalho construiu um romance histórico muito interessante e, sobretudo, bem escrito.
Cultor da leitura do romance histórico, das obras sobre a vida dos judeus peninsulares, sobretudo dos portugueses, cristãos novos ou emigrados para fugir à intolerância religiosa do catolicismo dominante, este romance foi uma boa leitura estival. Aconselho-o.

Bom dia, Porto!


Bom dia !



A começar musicalmente com este grande talento, infelizmente desperdiçado e ontem sepultado.

terça-feira, 26 de julho de 2011

No dia do aniversário de António de Almeida Mattos...

Fossem de ver-te os olhos
de alegria
e não de entristecer
a tua ausência.

António de Almeida Mattos
In: O prisma das muitas cores: poesia de amor portuguesa e brasileira. Fafe: Labirinto, 2010, p. 34

... e ainda a tempo de o felicitar.

Boa noite!

Há muito por onde escolher... Rótulos de hotéis e pensões do Porto. Era costume colá-los nas malas de viagem.