Prosimetron

Prosimetron
Prosimetron: termo grego que designa a mistura de prosa e verso.

sábado, 12 de janeiro de 2013

O dueto

Henry Holiday - O dueto: retratos de Alexandra, filha do reverendo Kitchen, e de Winifred, filha de Henry Holiday
Col. particular

Tenho-me lembrado...


...do archiviste do grande Schuitten, porque é essa a razão da minha menor assiduidade por aqui.  Mas 90% do trabalho está feito, e ainda bem porque já não posso ver dossiês, pastas, agrafadores, furadores, etc.
E como há coisas que por vezes despertam a  minha atenção, tudo demora mais tempo...

Uma Diva

A soprano Elisabete Matos comemora hoje 25 anos de carreira com a apresentação de uma fotobiografia, que se centra nas suas principais actuações em teatros como o Alla Scala, de Milão e o Metropolitan de Nova Iorque e um recital, no foyer do Teatro de S. Carlos, pelas 19 e 19h30 respectivamente. Como muitos outros portugueses, foi fora de Portugal que fez a sua carreira - vive actualmente em Madrid - porque por cá não se dá valor às pessoas , não existe uma escola de canto operático, como já existiu e ópera quase não há.

 

Astúrias


Esta manhã ouvi, na rádio, uma canção sobre a revolta das Astúrias de 1934. Fui ao YouTube tentar encontrá-la. Não o consigui, mas encontrei estas duas, uma de Victor Manuel que já não ouvia há anos - a canção e o cantor.

Marcadores de livros - 81

A Casa das Varandas, no Campo das Cebolas. 
Fotos de David de Abreu, 2008 (em cima) e de António Henriques (em baixo).

sexta-feira, 11 de janeiro de 2013

Espelho

George Tooker, Espelho II, 1964



George Tooker, Espelho IV, 1976-79.



O espelho reflecte certo; não erra porque não pensa. 
Pensar é essencialmente errar. 
Errar é essencialmente estar cego e surdo. 

Alberto Caeiro - Poemas Inconjuntos
(http://www.dominiopublico.gov.br/download/texto/pe000003.pdf)

Os meus franceses - 244

Sangria de espumante


Bacalhau, pacotes de açucar... este blogue privilegia mesmo os prazeres gastronómicos. Então, e para rematar o dia, aqui vai uma receita de sangria que ainda não a experimentei, mas talvez a nossa MR se antecipe e depois diga de sua justiça.
Sangria de espumante
1/2 garrafa de espumante; 35 ml de vodka; 35 ml de tequila; 20 cl de sprite ou 7 up; 150 ml de puré de frutos vermelhos; 3 morangos picados; 2 maracujás; 2 rodelas de maçã verde; 1/2 talo de lemongrass (erva príncipe); 1 rodela de gengibre; 3 ramos de hortelã ou poejos; 4 colheres de sopa de açúcar.
Preparação:
Cortar a fruta em pedaços. Colocar no fundo do jarro, adicionar a hortelã, o lemongrass, a gasosa, as bebidas espirituosas e o espumante. No final, acrescentar o açúcar e mexer bem.
Este receita é de autoria do chef Jorge Camilo e é servida no Bistro 100 Maneiras.
Bons copos! E, já agora, bom fim-de-semana.

6.ª feira, dia de comer bacalhau

Lisboa: O bacalhau
Manteigaria Silva, na R. D. Antão de Almada, 1, em Lisboa
http://www.manteigariasilva.pt/
Foto de David de Abreu, 2010

Dantes, à 6.ª feira, era dia de bacalhau em todas as ementas dos restaurantes. Não sei se continua a ser. Hoje talvez vá comer bacalhau, ainda não sei é de que modo.

Pacotes de açúcar - 49

Quatro pacotes, de uma série de 18 «encontros perfeitos», promovidos pelos hotéis Vila Galé.O verso reproduzido corresponde ao n.º 9.

"Que bom ser estrangeiro"


Hieronymus Bosch, detalhe, Jardim das Delícias Terrenas, 1504 (painel central), Museu do , Prado, Madrid



"(...) «Que bom ser estrangeiro!» Ser estrangeiro significa sempre, ou quase, que se está em férias, que se vive num mundo novo, que provisoriamente se mudou de pele e de alma."


Augusto Abelaira, Enseada Amena. Lisboa: Livraria Bertrand, 1965, p.47.

quinta-feira, 10 de janeiro de 2013

Boa noite!

O desejo de Pepa


“Fica bem com tudo, adorava ter uma” é uma das frases que está a pôr as redes sociais em alvoroço. Quem o diz é Pepa Xavier referindo-se a uma mala Chanel que ela gostaria de comprar e que está entre os seus desejos para 2013. Mas a blogger da moda desejou mais coisas para este ano num vídeo de pouco mais de dois minutos que faz parte de uma campanha da Samsung. Não páram de surgir paródias da situação. Desde a imagem estereotipada de “beta da Linha” a acusações de desfazamento da realidade tendo em conta a realidade económica do país, a campanha tornou-se rapidamente num assunto viral no Facebook. E para “ajudar” a blogger a cumprir o desejo, o comediante Salvador Martinha criou o vídeo “A Pepa quer uma mala”, que já conta com 4.000 likes. 
No meio de toda esta confusão, parece que a Samsung já terá encerrado a campanha.

Bom dia !



Em honra dos 150 anos do Metro de Londres, o mais antigo do mundo.

A Arquitetura Imaginária. Pintura, Escultura, Artes Decorativas


http://purl.pt/117

Museu Nacional de Arte Antiga
até 30 março
http://www.mnarteantiga-ipmuseus.pt/pt-PT/destaques/ContentDetail.aspx?id=593

Em geminação com o Arpose.

Marcadores de livros - 80


Estes marcadores também me foram oferecidos pela mesma amiga que me enviou os colocados há dois dias. Obrigada.

"Atirar a Albarda ao Ar"

Júlio Pomar, exposição intitulada: Atirar a Albarda ao Ar, patente na Galeria 111, 
desde 12 de janeiro a 9 de março, Campo Grande, 113, Lisboa.


Acerca da exposição o pintor proferiu que era  "uma forma simples de dizer basta. (...) tenho olhos e ouvidos abertos. (...) É uma reação intuitiva à crise, uma rejeição da fatalidade".

Júlio Pomar em entrevista ao Jornal de Notícias, 9/11/2012

quarta-feira, 9 de janeiro de 2013

Boa noite!

Scorsese em Berlim


A cinemateca de Berlim acolhe, a partir de amanhã, a primeira exposição a nível mundial, dedicada à obra de Martin Scorsese. O realizador disponibiliza o seu arquivo pessoal a este espaço da capital alemã, permitindo assim o acesso do grande público a excertos de argumentos, guarda-roupa e objectos de películas originais, fotografias dos sets nunca publicadas, entre muitas outras curiosidades. A colaboração com Alfred Hitchcock é igualmente apresentada neste fórum que muito merecidamente homenageia este génio da Sétima Arte.
Deutsche Kinemathek, Berlim, 10 de Janeiro a 12 de Maio de 2013

As empadas do bairro


Ir jantar ao Bairro Alto empadas alentejanas com salada e um copo de Papa Figos é uma nova opção. A ideia é de Júlio César, que abriu em 1996 o bar Sétimo Céu. As empadas em questão vêm ultracongeladas do Alentejo (Alcáçovas), são cozidas no forno todos os dias e dividem-se por galinha, camarão, atum, espinafres, pato, porco alentejano, javali, perdiz e leitão (1,60€ cada uma).  Os diferentes menus acrescentam o imprescindível copo de vinho, e o exemplo máximo é o Menu Bairro Alto (7,60€), com duas empadas, salada, bebida, queijada e café.

Empório D’Empadas e Vinho, Rua da Barroca, 33, Lisboa (aberto das 18 às 24h).

Uma agenda para 2013

A Imprensa Nacional-Casa da Moeda dedica a Agenda deste ano ao Colóquios do simples [...] de Garcia da Orta, editados há 450 anos.

Pacotes de açúcar - 48

Como não está numerada, não sei se está aqui representada a coleção completa, mas não me parece. Os pacotes com o verso vermelho referem-se a «Doces momentos»; os azuis turquesa têm receitas de cozinha.

Obrigada a quem mos arranjou.

Jorge Donn dança Bolero


Para DIM.

Caixa do correio - 12

Chegaram-me duas cartas com estes selos. Parece-me que os dos queijos - não sei se este do Rabaçal - já andaram por aqui e pelo Arpose.

Memória de um grande poeta

Quem é alguém que caminha
Toda a manhã com tristeza
Dentro de minhas roupas, perdido
Além do sonho e da rua?

Das roupas que vão crescendo
Como se levassem nos bolsos
Doces geografias, pensamentos
De além do sonho e da rua?

Alguém a cada momento
Vem morrer no longe horizonte
Do meu quarto, onde esse alguém
É vento, barco, continente.

Alguém me diz toda a noite
Coisas em voz que não ouço.
- Falemos na viagem, eu lembro.
Alguém me fala na viagem.

João Cabral de Melo Neto
In "O engenheiro", 1945.

Nasceu em 9 de Janeiro de 1920

terça-feira, 8 de janeiro de 2013

Boa noite!

David Bowie um novo single

No dia do aniversário de David Bowie o  último trabalho do cantor.

A revelação de Wagner

Um percurso pela história da vida de Richard Wagner em um prólogo e três jornadas, na comemoração do bicentenário do seu nascimento. Conferências por Eugénio Harrington Sena 
CULTURGEST 
Terças-feiras 8, 15, 22, 29 de janeiro, 18h30

Um quadro por dia


Goste-se muito, pouco ou nada de Andy Warhol a verdade é que as suas obras continuam a ser transaccionadas por valores sempre crescentes. Foi o que aconteceu com este Nine Jackies, de 1964, nove serigrafias em acrílico e tinta sobre tela que retratam Jacqueline Kennedy enlutada. Pertenceu à Andy Warhol Foundation for the Visual Arts e foi vendida em Nova Iorque no passado dia 15 de Novembro por 12 milhões de dólares.

Humor pela manhã


Mais um grande " distraído " com a língua portuguesa, para além dos outros problemas...

Bom dia !



A versão de Carmen McRae.

Pintores vistos por pintores - 18

Desenho (imaginado?) de Georgio Vasari que, embora sendo mais conhecido como arquiteto, também foi pintor.

Marcadores de livros - 79


São lindos.
Obrigada a quem mos ofereceu.

Boa noite!

Corelli faleceu há 300 anos.

segunda-feira, 7 de janeiro de 2013

Para quem puder ir ver...

Esta exposição está até 17 de fevereiro em São Francisco, na Califórnia.
http://deyoung.famsf.org/deyoung/exhibitions/rudolf-nureyev-life-dance

Frutas - 97

Edward Burne-Jones - Friso de oito mulheres apanhando maçãs, 1876
Londres, Tate


Bom dia !



Em memória de outro 7 de Janeiro, o de 1355 nas margens do Mondego.

O francês


«É uma pena que atualmente em Portugal se despreze o francês e já quase ninguém o fale ou leia. Foi e é a língua de uma grande cultura, ainda hoje com um movimento editorial de um enorme vigor, em muitas áreas superior ao inglês. Agora corremos atrás da língua inglesa e de tudo o que tenha um ar de Inglaterra ou de América sem nos darmos conta d quanto nos encontramos longe da mente anglo-saxónica. Não os compreendemos plenamente e eles não nos compreendem a nós e, na verdade, tendem a tratar-nos com alguma condescendência. Os franceses não são certamente perfeitos, mas são mais "a nossa gente".»
Paulo Castilho
In: JL, 12 dez. 2012, p. 40 

domingo, 6 de janeiro de 2013

Mais Nureyev

Tributo a Rudolf Nureyev

Completam-se hoje vinte anos sobre a morte do maior bailarino do séc. XX. Nascido na União soviética em 17 de Março de 1938, evadiu-se para o Ocidente onde fez a mais completa e rica carreira, tendo sido director do Balett da ópera de Paris em 1983. Morreu em 6 de Janeiro de 1993.
França, Rússia, Itália e Estados Unidos vão realizar espectáculos em sua homenagem. Fui um dos previligiados que o viu dançar ao vivo. Um momento inesquecível.

A todos bom dia de Reis!

No dia de Reis cantam-se as Janeiras. 
Desejo a todos um dia Feliz e com surpresas. Em especial para MR que nos trouxe várias janeiras

Miguel Torga, em 5 de janeiro de 1988, referia-se a um momento similar assim: 
“Um grupo cultural dos meus sítios veio hoje cantar-me os reis. […] Mas foram contentes e deixaram-me contente. Eles, justificados; e eu reidentificado.”



« Janeiras na Casa-Museu Miguel Torga 
Grupo Folclórico de Coimbra | 7 de janeiro| 18h00 .
Acolher as Janeiras na Casa-Museu Miguel Torga é o momento escolhido pelo Departamento de Cultura da Autarquia para assinalar a quadra de Reis, revivendo uma tradição que era particularmente grata ao Poeta ao receber, afavelmente, todos os anos, em sua casa, grupos de cantares aos quais agraciava com Vinho do Porto e alguns doces da quadra. A iniciativa, aberta à participação do público em geral, tem entrada livre, ainda que sujeita à lotação do espaço.»
Divulgação da Casa da Cultura, CMC.

Frutas - 96

Alexander Coosemans - Natureza morta com lagosta e pão

Romã no Dia de Reis.

«Honey funny sunny morning»

Syd Barrett teria feito hoje 67 anos.

«Honey love you, honey little,
Honey funny sunny morning
Love you more funny love in the skyline baby
Ice-cream 'scuse me,
I've seen you looking good the other evening [...].»

Dia de Reis

Edward Burne-Jones - A adoração do Magos, 1894
Tapeçaria para Corporation of Manchester

A Epifania segundo J. S. Bach



Em meados de 1723, J. S. Bach assumira a posição de director musical de Leipzig e o cargo de “Kantor” na igreja de S. Tomás (na imagem) desta cidade. Como última de seis cantatas, compostas durante o primeiro Natal em que Bach exerceu estas funções, figura a magnífica cantata 65 (BWV 65) “Sie werden aus Saba alle kommen”, o que, na tradução litúrgica portuguesa, significa “Virão todos os de Sabá”. Estreada no dia 6 de Janeiro de 1724, esta obra inspirou-se na liturgia da Epifania, designadamente, na profecia de Isaías (Isaías, 60, 1 – 6): “Levanta-te, acende as luzes, Jerusalém, porque chegou a tua luz, apareceu sobre ti a glória do Senhor. …. Será uma inundação de camelos e dromedários de Madiã e Efa a cobrir-te; virão todos os de Sabá, trazendo ouro e incenso e proclamando a glória do Senhor”.
Ainda antes de G. F. Händel imortalizar o seu fascínio pela Rainha e pelo Reino de Sabá, situado hoje no Iémen, na oratória Salomão em 1749 e criar com The Queen of Sheba um “bestseller” barroco, Bach converteu este reino num ponto de partida para uma peregrinação de todos os povos: daí todos provêm, não apenas os magos com os seus presentes de ouro (símbolo de fé), incenso (símbolo de oração) e mirra (símbolo de paciência ou perseverança), mas sim todos os reis e todos os anónimos, constituindo um cortejo infindável a caminho de Belém.
A composição em compasso 12/8 e numa escala musical em ordem crescente convida o ouvinte a aderir ao cortejo. Ao prelúdio orquestral, introduzido por Corni da Caccia, sucedem as vozes do coro com o mesmo dinamismo e entusiasmo. O cortejo parece aumentar gradualmente. 
Para iniciar este dia da Epifania (Manifestação do Senhor), segue um registo do primeiro andamento desta cantata, interpretado pelo Coro e a Orquestra Bach de Munique sob a direcção de Karl Richter e gravado na capital bávara em Fevereiro de 1967.

Gentile da Fabriano

Esta magnifica representação da adoração dos Magos encontra-se em Itália, Florença, nos Uffizi.
Aqui o transporte não foi o camelo, mas sim o cavalo.
Esta imagem foi-me recordada por um livro que "apareceu" como oferenda dada à meia noite. 
Obrigado a quem o ofereceu.