Prosimetron

Prosimetron

sexta-feira, 26 de maio de 2017

Boa noite!

11 comentários:

APS disse...

Uma voz inconfundível...
Boa noite, e um bom fim-de-semana!

Jad disse...

Sorriso

MR disse...

Bom dia para os dois.

bea disse...

Que coisa mais bonita!... e as chinesinhas a acompanhar, como soe dizer-se, fazem pendant. Num dos quadros que foge à regra asiática impõe-se beleza inusitada. Emerge dele, em grandes pinceladas de cor, um quase perfil de mulher posta apenas em longos cabelos. E há nela uma graça que ressalta.
Muito obrigada pelos momentos de beleza.

Mª Luisa disse...

Que bom dia com este post!
Uma das mais formosas ( para mim) cantigas de amor e com o sentimento do Amancio Prada.
Tem uma completa serie dos tópicos deste tipo de cantigas e é a primeira que utilizo para falar deste tipo de amor pela senhor.
Eu não fui capaz de achar um video com as cantigas ...Mesmo andava na procura de um CD para to enviar, mas não achei.
O que me surpreende é a senhor... Difícil imaginar assim.
Obrigada mais uma vez pelo post

Abraço

MR disse...

Bea,
Gosto imenso desta cantiga.

Luisa,
Eu tenho três CDs de Amacio Prada, um dos quais «Trovadores, misticos y románticos» inclui esta cantiga.
Sim, também acho estranho a dona ser chinesa. Mas é divertido. :)

Boa tarde para as duas.

Mª Luisa disse...

Que bem!
Eu procurava " Lelia doura", mas sou leda de que ja tenhas. Eu tenho todavia cassette de há muitos anos.

Abraço

Justa disse...

Eu teño o CD que comenta Manuela, que ten "Lelia Doura", Marisa; así como o "Romance do namorado e a morte", e o "Romance do prisioneiro" que utilizaba hai anos para a Literatura Medieval. Para min é o mellor de Amancio Prada, con poemas de Santa Teresa, de Rosalía, e o poema "Libre te quiero" de Agustín García Calvo, que tanto amo.

Maravilloso vídeo, aínda que as damas non correspondan ás das cantigas.

Bo domingo.

MR disse...

E tenho um com poemas de Rosalía (foi através dele que conheci Amancio Prada) e outro com poesia de São João da Cruz. Há muitos anos ele veio cantar Rosalía a Lisboa e fui vê-lo.
Bom domingo a todas.

Justa disse...

Eu tamén coñecín a Amancio Prada co disco (daquelas, cintas magnetofónicas) dedicado a Rosalía. Estabamos en Barreiros (na costa)e veu miña irmá Sara co novo disco. Creio que era no verán de 1975 (recordo porque vivíamos en Sarria e meus pais decidiron virse para Lugo nese año). Meus recordos son, pois, ao lado do mar, nun punto alto por riba da praia, con miña irmá e a que segue a ser a miña amiga da alma, dúas mulleres moi importantes na miña vida.
Tamén teño o de San Juan, moi utilizado nas clases hai tempo (estou a lembrar que hai Literatura que voto de menos)
A Amancio Prada vino en varios concertos. Un en Vilalba, lugar donde eu impartía antes clase. A portada do disco "Escrito está" foi sacada daquela por un fotógrafo do Progreso, diario de Lugo, dende o auditorio, coa paisaxe vilalbesa ao fondo.
Teño tamén a súa dedicatoria nunha servilleta, ao coincidir nun restaurante madrileño; foi tudo amabilidade.

¡Xa se nota que pasou o meu periodo de estrés,....polo de agora.

Apertas galegas.

網路校園美女寫真 disse...

威博娛樂城
大發必發網
大發網
天下運動
天下現金
夫妻情侶自拍影片
少女輪姦影片
廁所偷拍
正妹聊天室