Prosimetron

Prosimetron

segunda-feira, 20 de outubro de 2008

Os EUA e a segurança


Estive nos últimos dias nos EUA; já não deveria surpreender o estado de polícia, mas mesmo assim... Durante o vôo, de uma companhia australiana, os passageiros foram informados que, por razões de segurança impostas pelos EUA eram proibidos as aglomerações de mais de duas pessoas em qualquer parte comum do avião, incluindo as casas de banho -- fez-me lembrar as descrições do tempo da velha senhora.

À chegada ao aeroporto, como sempre, fui seleccionado para uma "random security inspection". O polícia até se riu, quando no sistema viu o número de vezes que eu tinha sido "randomly selected" nos últimos meses (em Boston, Miami, San Francisco, New York... e agora, Honolulu). Uma das vezes, em que entrei com um grupo internacional, todos os estrangeiros foram "randomly selected" e todos os norte-americanos passaram automaticamente... Que aleatório.

Escusado será dizer que continuam a mandar tirar os sapatos nos raios X. State of fear, mantido a lume brando.

3 comentários:

Unknown disse...

Buen blog che! Te invito a darte una vuelta por el mío, creo que te puede llegar a interesar por las cosas que veo que posteás (y de paso si querés intercambiamos enlaces).

Mi blog, principalmente sobre música, lo podés encontrar acá:

Soy del Montón

Y también hace poco inauguré un foro en el que quizá te interese participar:

Soy del Montón Foro

Un abrazo.

LUIS BARATA disse...

Confessa lá, és um perigoso terrorista internacional. Um Jason Bourne à maneira.
A paranóia securitária atingiu tais proporções que realmente não apetece visitar os States, nem que o Obama ganhe.

LUIS BARATA disse...

Hola Fantômas, mi ha gustado mucho el tu blog y voy a hacer enlace .
Gracias por tu visita.